Katy Perry voltou a falar sobre seu desentendimento com Taylor Swift em uma entrevista durante a divulgação do álbum ‘Witness’. Katy já havia contado a história para James Corden durante o Carpool Karaoke, na ocasião ela revelou que a briga se deu por conta de dançarinos da turnê de Taylor que já haviam trabalhado com Perry e queriam sair da ‘Red Tour’ e migrarem para a ‘Prismatic Tour’.

Na recente entrevista, ela falou especificamente sobre o clipe de ‘Bad Blood’, que supostamente teria sido uma afronta a ela.

“Ninguém me perguntou sobre o meu lado da história, e há sempre três lados de toda história: lado um, lado dois e a verdade. Quero dizer, não sou Buda, as coisas me irritam. Gostaria de dar a cara a tapa, mas não sou um saco de pancadas, sabe? Especialmente quando alguém tenta me assassinar com suas pequenas garotas (fãs da Taylor). Isso é tão confuso!”

Mas não terminou por ai. ‘Bad Blood’ foi escrita juntamente com Max Martin, que tambem produziu a canção. Acontece que o compositor e produtor, é amigo de longa data de Katy, e já trabalhou com ela em diversos sucessos.

“Eu não posso falar por ele (Max Martin), mas ele não sabia (A quem ‘Bad Blood’ se referia). Não posso dizer o que ele deve ou não fazer. Eu sou super justa e não sou o tipo de pessoa que fala: ‘você não deve fazer isso porque eu não gosto dessa pessoa’. É apenas, você por você, faça suas próprias escolhas… Eu não sou a mãe dele”.

Taylor nunca se manifestou abertamente sobre Katy ou sobre a quem ‘Bad Blood’ se dirige. Será que quando ela voltar de sua pausa na carreira iremos ouvir o outro lado da história?

Notícias relacionadas